Songtexte.com Drucklogo

Circo dos palhaços dixavadamente imorais Songtext
von Andre Prando

Circo dos palhaços dixavadamente imorais Songtext

Sorria sem vontade, você pode ser filmado
Sorria qualquer hora, é proibido estar zangado
Sorria se o padeiro te entregou o troco errado
Sorria pro espelho pra convencer o contrário

Sorria, tão dizendo que faz bem

Sorria no transcol que tá fedido e lotado
Sorria numa fila que acaba do outro lado
Sorria, nobre homem do salário atrasado
Sorria se você descobre que foi enganado

Sorria, mostra esses dentes também


Espalham lixo nas cabeças que são vasos limpos
Fazem de conta que são sanitários, um bando de otários
Te bombardeiam moralmente e negativamente
Com o objetivo de armar um circo de burros enrustidos
Circo dos palhaços dixavadamente imorais

De dia e de noite, trocam tudo, tudo errado
Dê dia e dê noite, não lhe sobra um trocado
Faz tudo como ontem, faz aquele combinado
Sorria, não esqueça, seu humor é tarifado

Sorria, tão dizendo que faz bem
Sorria, mostra esses dentes também

Não me leve a mal, eu sou um mero palhaço
De calças largas que me deram e que já foi de um outro
Não chore, meu rapaz... Não me interprete mal
Eles te enganaram e aplicaram um sorriso falso

Songtext kommentieren

Schreibe den ersten Kommentar!

Übersetzung

Quiz
In welcher Jury sitzt Dieter Bohlen?

Fan Werden

Fan von »Circo dos palhaços dixavadamente imorais« werden:
Dieser Song hat noch keine Fans.
Diese Website verwendet eigene Cookies und Cookies von Dritten um die Nutzung unseres Angebotes zu analysieren, dein Surferlebnis zu personalisieren und dir interessante Informationen zu präsentieren (Erstellung von Nutzungsprofilen). Wenn du deinen Besuch fortsetzt, stimmst du der Verwendung solcher Cookies zu. Bitte besuche unsere Cookie Bestimmungen um mehr zu erfahren, auch dazu, wie du Cookies deaktivieren und der Bildung von Nutzungsprofilen widersprechen kannst.
OK