Me empresta um beijo Songtext
von Guilherme & Santiago

Me empresta um beijo Songtext

Tô solteiro no meio do povo
Me empresta um beijo que amanhã eu te devolvo

Tô solteiro no meio do povo
Me empresta um beijo que amanhã eu te devolvo

Beijo roubado é bom, eu gosto de beijar
Me beije que você vai se amarrar
Tem beijo de verão, beijo de carnaval
Um beijo faz a gente passar mal

Beijo roubado é bom, eu gosto de beijar
Me beije que você vai se amarrar
Tem beijo de verão, beijo de carnaval
Um beijo faz a gente passar mal

Se você me emprestar um beijo, juro que pago em dobro
É só você marcar a hora e o lugar
Que eu vou te procurar

Se você provar do meu beijo, só vai ter um perigo
Não vai se arrepender meu beijo é pra valer
Mais pode virar vicio


Tô solteiro no meio do povo
Me empresta um beijo que amanhã eu te devolvo

Tô solteiro no meio do povo
Me empresta um beijo que amanhã eu te devolvo

Tô solteiro no meio do povo
Me empresta um beijo que amanhã eu te devolvo

Beijo roubado é bom, eu gosto de beijar
Me beija que você vai se amarrar
Tem beijo de verão, beijo de carnaval
Um beijo faz a gente passar mal

Beijo roubado é bom, eu gosto de beijar
Me beije que você vai se amarrar
Tem beijo de verão, beijo de carnaval
Um beijo faz a gente passar mal

Se você me emprestar um beijo, juro que pago em dobro
É só você marcar a hora e o lugar
Que eu vou te procurar

Se você provar do meu beijo, só vai ter um perigo
você não vai se arrepender meu beijo é pra valer
Mais pode virar vício

Songtext kommentieren

Schreibe den ersten Kommentar!
Diese Website verwendet eigene Cookies und Cookies von Dritten um die Nutzung unseres Angebotes zu analysieren, dein Surferlebnis zu personalisieren und dir interessante Informationen zu präsentieren (Erstellung von Nutzungsprofilen). Wenn du deinen Besuch fortsetzt, stimmst du der Verwendung solcher Cookies zu. Bitte besuche unsere Cookie Bestimmungen um mehr zu erfahren, auch dazu, wie du Cookies deaktivieren und der Bildung von Nutzungsprofilen widersprechen kannst.
OK