Songtexte.com Drucklogo

O Jogo da Vida Songtext
von Potyguara Bardo

O Jogo da Vida Songtext

Tá doendo
Mas já vai passar
Já passei por aqui
Cada vez que retorna
A tristeza encolheu em mim

Se a luz do túnel vier me chamar
É só sintoma da dor
Que distrai do caminho
Ao perdão de tudo que eu sou

Ao dia nublado anoitecer
O breu vem pra me envolver
Momentos antes de raiar
O sol sempre morrerá
Se a noite clara amanhecer
Novas lições vou aprender
A um novo nível vou chegar
Nesse jogo da vida
Jogo da vida


Já é hora de recomeçar
Devo ir sem saudade
Me iludir
Pois na desilusão
Que se vê a verdade

Evoluindo pra me adaptar
À minha própria companhia
Que é a última e a mesma aqui
Desde o primeiro dia

Alheio às regra
Fadiga se reinventar
Pois também vive
Alheio onde vai chegar
A roda viva carrega tudo pra lá
Nenhum macete vai te ensinar a jogar
Jogo da vida

Ao dia nublado anoitecer
O breu vem pra me envolver
Momentos antes de raiar
O sol sempre morrerá
Se a noite clara amanhecer
Novas lições vou aprender
A um novo nível vou chegar
Nesse jogo da vida


Ao dia nublado anoitecer
O breu vem pra me envolver
Momentos antes de raiar
O sol sempre morrerá
Se a noite clara amanhecer
Novas lições vou aprender
A um novo nível vou chegar
Nesse jogo da vida
Jogo da vida

Songtext kommentieren

Schreibe den ersten Kommentar!

Beliebte Songtexte
von Potyguara Bardo

Quiz
Wer will in seinem Song aufgeweckt werden?

Fan Werden

Fan von »O Jogo da Vida« werden:
Dieser Song hat noch keine Fans.